É dia dos Namorados e eu não posso estar contigo. Que injustiça!
O importante é que saibas que, apesar de tudo, eu te amo como sempre amei. Tu sabes disso.
Aliás, para nós, o dia dos Namorados é TODOS OS DIAS! Todos os dias tu me completas e me ajudas como podes e sabes, e todos os dias, nada muda, apenas a intensidade do meu sentimento por ti. Sei que estás presente, além desta distância que nos separa semanalmente, sei que estás presente, e que sempre que eu precisar de uma mão, tu dás a tua. E acredito que nem tudo o que sai da tua boca, e principalmente do teu coração seja mentira. Acredito em ti, e assim vai continuar a ser, até dares provas do contrário. Quanto a ti amor, sabes que podes acreditar em mim, e tudo aquilo que eu sinto por ti SEMPRE foi sincero. Tal como tu, vivo anciosa que as semanas passem, e chegue o fim-de-semana, e tu sabes bem para quê! Para te poder abraçar, tocar, beijar, porque gosto de te olhar nos olhos, e dizer-te as coisas ao ouvido, quando me pedes para dizer que gosto muito de ti, ao teu ouvido, e eu tenho imensa vergonha. Mas tu sabes que não é por mal e que, independentemente de eu não dizer, eu GOSTO TANTO DE TI. Só quero que isso não mude, e no que depender de mim, não vai mudar, nem vão ser coisas/pessoas insignificantes e mesquinhas que vão mudar isso, portanto, és meu e isso não vai mudar.
AMO-TE NAMORADO.

3 comentários:

escreve (me).